Como Cristo não temos outra responsabilidade

foto por: Joe por Pixabay 

Assim como Cristo, somos enviados ao mundo, para revelar o reino, proclamar a libertação, iluminar o entendimento e revelarmos a salvação de nosso Deus, para que Ele faça a obra na vida das pessoas, como podemos ler no evangelho de Lucas, no capítulo quatro, do versículo dezessete ao vinte e um:

“Então lhe deram o livro do profeta Isaías. E, abrindo o livro, achou o lugar onde está escrito: “O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e proclamar o ano aceitável do Senhor.” Tendo fechado o livro, Jesus o devolveu ao assistente e sentou-se. Todos na sinagoga tinham os olhos fixos nele. Então Jesus começou a dizer: — Hoje se cumpriu a Escritura que vocês acabam de ouvir.” (Lucas 4.17–21 NAA)

Temos que entender que não somos os responsáveis pela obra quanto ao resultado, pois isto pertence ao nosso Deus, mas somos chamados para que: sendo oferta, sejamos o instrumento de libertação e reconciliação das pessoas com Ele. Isto porque fazemos tudo na dependência do Espírito Santo. Temos que evangelizar, falando sobre a chegada do reino e a salvação. Proclamar a libertação a todas as pessoas, para que se convertam ao nosso Deus, se submetendo à Cristo. Que como luz, ensinando, possamos ser instrumentos para iluminar o entendimento, conduzindo todos à liberdade, pois vivemos o tempo da graça que Deus nos concede para conhecermos Sua salvação.

Como Cristo foi enviado, nós também somos para revelar o reino, andar na verdade, praticando a justiça, proclamando as virtudes, revelando a Salvação e reconciliação, para que todos vendo a luz, possam se submeter a ela.

Ouça a mensagem no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE

Publicidade