Cuidado com os que apascentam a si mesmo

Pessoas travestidas de piedade, mas que estão preocupadas somente consigo mesmas e não compreendem a mensagem de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, são ímpios que buscam os próprios interesses.

“Esses são como rochas submersas nas festas de fraternidade que vocês fazem, banqueteando-se com vocês sem qualquer receio. São pastores que apascentam a si mesmos; são nuvens sem água impelidas pelos ventos; são árvores que, em plena estação dos frutos, continuam sem frutos, duplamente mortas e arrancadas pela raiz; são ondas bravias do mar, que espumam as suas próprias sujeiras; são estrelas sem rumo, para as quais está reservada a mais profunda escuridão, para sempre.” (Judas 12–13 NAA)

Estarmos atentos, sermos prudentes, olharmos firmemente para o autor e consumador de nossa fé para não sermos enganados por pessoas que aparentam piedade e devoção ao Senhor, mas que na realidade estão atrás do próprio interesse e não têm escrúpulos quanto a usar das pessoas para alcançarem os próprios interesses, pois elas são como pastores que apascentam a si mesmas e não entenderam a graça e nem a salvação de nosso Deus.