Não era qualquer um

Foto de Job Savelsberg na Unsplash

Quando lemos sobre a declaração de Zaqueu e as palavras de Jesus, não pensamos sobre quem era ele na sociedade, mas não importa, pois o que faz a diferença é a sua atitude diante do conhecimento do Senhor, como podemos ler em Lucas, no capítulo dezenove, do versículo oito ao dez:

“Zaqueu, por sua vez, se levantou e disse ao Senhor: — Senhor, vou dar a metade dos meus bens aos pobres. E, se roubei alguma coisa de alguém, vou restituir quatro vezes mais. Então Jesus lhe disse: — Hoje houve salvação nesta casa, pois também este é filho de Abraão. Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar o perdido.” (Lucas 19.8–10 NAA)

Zaqueu não era qualquer um, como podemos ler no versículo um, ele era o chefe dos publicanos, chefe dos responsáveis por coletar os impostos, mas isto faz diferença? Não! A diferença está na sua atitude de arrependimento, na mudança e na decisão que toma para expressar seu pesar. Da mesma maneira que ele, se desejamos conhecer ao nosso Deus, devemos expressá-lo em atitude, para que possamos viver o reino de Deus neste mundo, experimentando da salvação que recebemos pela graça por meio de Cristo.

Por isso, precisamos entender que não importa quem somos, o que faz a diferença é o arrependimento e a mudança de atitudes, mostrando em ações que não se trata de religiosidade e nem de aparência, mas de revelar a salvação de nosso Deus.

Ouça a mensagem no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE

Publicidade

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s