Nada pode nos prender

Foto de Jeremy Bishop na Unsplash

Como este homem que questionou a Jesus sobre o que era necessário para receber a salvação: compreender que não se trata do que faz, nem do que tem, mas, se tem ou não sua vida comprometida com Deus e Sua vontade, como podemos ler em Lucas, no capítulo dezoito, versículos vinte e dois e vinte e três:

“Ouvindo isso, Jesus lhe disse: — Uma coisa ainda falta a você: venda tudo o que tem, dê o dinheiro aos pobres e você terá um tesouro nos céus; depois, venha e siga-me. Mas, ouvindo ele estas palavras, ficou muito triste, porque era riquíssimo.” (Lucas 18.22–23 NAA)

O problema deste homem não era a riqueza que possuía, mas, onde estava o seu coração, pois embora cumprindo todos os mandamentos, sendo fiel ao que entendia, seu coração não estava comprometido com Deus, pois priorizava a sua riqueza. Não podemos nos deixar prender por qualquer coisa desta vida, devemos e podemos usá-las, mas não termos o nosso coração preso a elas.

Nada nesta vida deve nos prender: pessoas, riquezas etc., pois não temos como dividir a honra entre Deus e qualquer outra coisa que nos mantenha cativos. Temos que abandonar tudo e sermos livres para andarmos na vontade do Pai.

Ouça a mensagem no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE

Publicidade

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s