O foco do nosso trabalho

foto por: Clay Banks em Unsplash

Qual a razão do nosso empenho e o propósito de nossas vidas? Por que trabalhamos? Onde temos colocado o nosso coração? Esta é a reflexão que o Senhor nos chama para fazermos, como podemos ler no evangelho de João, no capítulo seis, do versículo vinte e cinco ao vinte e sete:

E, tendo-o encontrado no outro lado do mar, lhe perguntaram: — Mestre, quando o senhor chegou aqui? Jesus respondeu: — Em verdade, em verdade lhes digo que vocês estão me procurando não porque viram sinais, mas porque comeram os pães e ficaram satisfeitos. Trabalhem, não pela comida que se estraga, mas pela que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do Homem dará a vocês; porque Deus, o Pai, o confirmou com o seu selo.” (João 6.25–27 NAA)

O nosso foco não pode ser as coisas deste mundo, não podemos viver segundo a perspectiva e a maneira de pensar natural, não podemos buscar a Deus pelo que Ele pode nos oferecer e o quanto pode resolver os nossos problemas, mas devemos viver pela perspectiva eterna, buscando o que é eterno, nos empenhando pela compreensão e conhecimento da vontade do Pai.

O foco do nosso trabalho, nosso esforço não pode ser naquilo que é temporário e que responde aos nossos desejos naturais, mas devemos colocar o nosso coração no que dá vida, a vida eterna do Criador, por isso, devemos buscar o conhecimento do Pai e o do Senhor Jesus, para andarmos neste mundo como O agrada.

Ouça a mensagem no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE