Rejeitando a Deus

“A quem nossos pais não quiseram obedecer; antes, o repeliram e, no seu coração, voltaram para o Egito, dizendo a Arão: Faze-nos deuses que vão adiante de nós; porque, quanto a este Moisés, que nos tirou da terra do Egito, não sabemos o que lhe aconteceu. Naqueles dias, fizeram um bezerro e ofereceram sacrifício ao ídolo, alegrando-se com as obras das suas mãos.” (Atos dos Apóstolos 7.39–41 RA)

De que maneira rejeitamos a Deus, como fez a nação de Israel? Quando insistimos em andar segundo a maneira de pensar do mundo e não aceitamos por fé a obra que Ele realizou em nós, nos fazendo um novo ser, uma nova criatura, à imagem de Cristo, para revelarmos o nosso Deus. Fazemos deuses para nós, não quando construímos imagens, mas quando decidimos em nosso coração em andar segundo o nosso egoísmo, arrogância, religiosidade, orgulho, hipocrisia, maldade e não revelando a sabedoria de Deus, nos despindo da natureza humana e nos revestindo de Cristo.