Como não fazer isso?

Somos chamados para louvar ao Senhor, proclamar a Sua grandeza, como está no Salmo trinta e quatro, do versículo um ao três.

“Bendirei o SENHOR em todo o tempo, o seu louvor estará sempre nos meus lábios. A minha alma se gloriará no SENHOR; os humildes ouvirão isso e se alegrarão. Louvem comigo a grandeza do SENHOR, e todos juntos lhe exaltemos o nome.” (Salmo 34.1–3 NAA)

O nosso louvor é mais profundo que simplesmente as palavras que pronunciamos, pois elas devem refletir o que o nosso ser revela por meio de nossas ações e reações, através da maneira como nós agimos e reagimos nas nossas relações.

O verdadeiro louvor é decorrente de proclamarmos as virtudes de nosso Deus, pois fomos criados para expressarmos Sua compaixão, amor, bondade, misericórdia e graça e é quando O honramos e proclamamos o verdadeiro louvor ao Senhor, por isso, não temos outra forma de fazê-lo que não andando segundo os valores eternos.

Publicidade