A nossa salvação é um mérito de Deus

Mérito de Deus

foto por: Jacob Meyer em Unsplash

Esperamos e desejamos a vida eterna, mas precisamos compreender que não se trata de um mérito nosso e nem de nossos esforços, mas unicamente de Deus que por Sua graça nos salvou e derramou do Espírito Santo em nossas vidas, nos dando uma nova. Ele fez isso por compaixão, concedeu-nos da Sua vida e fez de nós participantes da Sua natureza para que pudéssemos expressa-Lo ao mundo, sermos Seus imitadores, sendo como Ele diante das pessoas.

Sobre a questão do Espírito Santo derramado, Seu amor e compaixão, podemos ler o que Paulo escreve a Tito, no capítulo três do versículo quatro o sete: “Porém, quando Deus, o nosso Salvador, mostrou a sua bondade e o seu amor por todos, ele nos salvou porque teve compaixão de nós, e não porque nós tivéssemos feito alguma coisa boa. Ele nos salvou por meio do Espírito Santo, que nos lavou, fazendo com que nascêssemos de novo e dando-nos uma nova vidaDeus derramou com generosidade o seu Espírito Santo sobre nós, por meio de Jesus Cristo, o nosso Salvador. E fez isso para que, pela sua graça, nós sejamos aceitos por Deus e recebamos a vida eterna que esperamos.” (Tito 3.4–7, NTLHE).

Somos salvos por Sua graça expressa em Cristo Jesus que se ofertou em nosso favor para sermos semelhantes a Ele e principalmente, fez de nós novas criaturas, seres espirituais e nos deu da Sua vida para que, como filhos, andando neste mundo O revelássemos e conduzíssemos todas as pessoas ao conhecimento da Sua vontade por meio da Igreja, a noiva de Cristo, a expressão da Sua multiforme graça e sabedoria.

Anúncios