Uma obra de Deus

Não precisamos ter dúvida alguma quanto a obra de Deus, pois ela, independente das circunstâncias, das dificuldades ou problemas que possamos enfrentar irá perdurar e frutificar, pois está debaixo do controle e da vontade de Deus, por isso é importante termos a consciência se algo é ou não da Sua vontade para sermos instrumentos para manifestar a Sua justiça entre os homens.

Pedro e João estavam ensinando no templo, os sacerdotes os proibiriam e os prenderam. O anjo foi e os libertou e ordenou que fossem ensinar. No dia seguinte estavam lá. O sinédrio, ordenou que fossem novamente trazidos. Eles os ameaçaram de morte, mas Gamaliel, levantou e trouxe palavras sábias àqueles homens.

Podemos ler sobre o que ele falou aos sacerdotes, em Atos, no capítulo cinco, nos versículos trinta e oito e trinta e nove: “ Portanto, neste caso de agora, não façam nada contra estes homens. Deixem que vão embora porque, se este plano ou este trabalho vem de seres humanos, ele desapareceráMas, se vem de Deus, vocês não poderão destruí-lo, pois neste caso estariam lutando contra Deus. E o Conselho aceitou a opinião de Gamaliel.” (Atos dos Apóstolos 5.38–39, NTLHE).

A confirmação de que uma obra é de Deus, quando podemos ter de maneiras diferentes: uma outra pessoa, fala sobre o que está no nosso coração para realizar sendo o amém, sem termos conversado com ela. O outro fator, é a motivação do nosso coração quanto a fazer e do porquê. E a coisa mais importante nisto tudo está o reconhecimento da dependência completa do Espírito Santo na condução do realizar o propósito de Deus.

Precisamos aprender a fazer o que é da vontade do Pai, sermos diligentes e perseverantes e até mesmo resilientes no processo, para que possamos ser vasos de honra que Deus deseja que sejamos no cumprir da Sua vontade.

Anúncios