Para andarmos na vontade de Deus

“Vinde, filhos, e escutai-me; eu vos ensinarei o temor do Senhor. Quem é o homem que ama a vida e quer longevidade para ver o bem? Refreia a língua do mal e os lábios de falarem dolosamente. Aparta-te do mal e pratica o que é bom; procura a paz e empenha-te por alcançá-la. Os olhos do Senhor repousam sobre os justos, e os seus ouvidos estão abertos ao seu clamor.” (Salmo 34.11–15 RA).

“Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito oprimido. Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor de todas o livra.” (Salmo 34.18–19 RA). “O Senhor resgata a alma dos seus servos, e dos que nele confiam nenhum será condenado.” (Salmo 34.22 RA).

Temos uma maneira de viver, expressa e revelada nas Escrituras, desde o Antigo Testamento, pois Deus não nos chama para vivermos uma religião e sim andarmos segundo a Sua justiça, revelando temor e demonstramos o temor pela maneira como nos relacionamos com as pessoas neste mundo. Sabemos que os olhos do Senhor estão sobre nós, nos guardando e nos livrando do mal que está em nós. Podemos ter muitas aflições, pois é normal, mas temos a confiança que o Senhor de todas nos livra. E o mais importante de tudo, é a certeza que somos resgatados da morte para vivermos a vida eterna.