Perdoamos por causa de nosso Deus e Pai

Perdão concedido

foto por: Evan Kirby em Unsplash

Conhecermos o Pai e a Sua vontade é fundamental para entendermos o significado do perdão que recebemos e assim, aprendermos a agir como Cristo, revelando a plena vida de Deus, manifestando as Suas virtudes e concedendo o perdão, não porque fizeram algo que o merecia, mas porque sabemos quem somos em Deus.

Jesus não fez diferente disto, Ele nos deu o exemplo, pois foi o que pediu para os que o estavam crucificando, como está em Lucas, capítulo vinte e três, versículos trinta e três e trinta e quatro: “Quando chegaram ao lugar chamado Calvário, ali o crucificaram, bem como aos malfeitores, um à direita, outro à esquerda. Contudo, Jesus dizia: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. Então, repartindo as vestes dele, lançaram sortes.” (Lucas 23.33–34, BEARA).

Por que estamos dispostos ou não a conceder o perdão? Temos que compreender que o outro faz o que faz, age como age, não porque deseja de fato o mal, mas por sua ignorância quanto a vontade de Deus, ele age segundo a natureza humana que é animal e demoníaca. Mas, precisamos entender quem somos no Senhor e que recebemos da Sua vida e natureza para expressarmos e revelarmos em todos os nossos relacionamentos, por isso perdoamos não porque somos bons, mas por causa de nosso Deus e Pai, por causa do que Ele fez em nosso favor e que temos que fazer em favor das pessoas.

Anúncios