Continuar a andar no amor de Cristo

foto por: Dave Ruck em Unsplash

Como filhos de Deus, tendo Cristo como primogênito de muitos irmãos, precisamos entender que fomos chamados para fazermos parte da família de Deus e como membros do Corpo de Cristo, como pedras vivas do templo que o Pai está construindo para a Sua morada, precisamos viver segundo o modelo deixado por Cristo. A única forma de revelarmos que somos de Deus e que estamos Nele é amarmos uns aos outros como Cristo, e amar como Ele implica em fazermos da nossa vida uma oferta que conduza todos ao conhecimento da vontade do Pai.

Permanecer no amor de Deus é fundamental, pois só assim revelamos Cristo. João escreveu em sua segunda carta, versículos cinco e seis, que devemos andar neste amor: “E agora, senhora, peço-te, não como se escrevesse mandamento novo, senão o que tivemos desde o princípio: que nos amemos uns aos outros. E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este mandamento, como ouvistes desde o princípio, é que andeis nesse amor.” (2João 5–6, BEARA).

Temos que entender que a única forma de vivermos o reino de Deus e cumprirmos a Sua vontade é se andarmos no Seu amor, que não se trata de gostar muito, mas é compreendendo quem somos e o que recebemos, fazemos como Cristo, ofertamos a nossa vida, servindo as pessoas para que possam conhecer a vontade do Pai. Temos que ser luz e sal nesta terra e a única maneira de sermos é expressarmos o Pai em nossas ações e reações, isto é, nas obras que praticamos.

Anúncios