Não se trata só de ser zeloso

foto por: Lionello DelPiccolo em Unsplash

Quantas e quantas vezes somos zelosos, baseados na motivação equivocada e não caminhamos na direção da vontade de Deus e sim, na oposta, embora estejamos no caminho certo, nos afastamos, pois não observamos o fundamento que deve nortear a nossa vida.

Paulo escrevendo em sua carta aos Romanos, no capítulo dez, versículo um e dois afirma sobre isso com relação ao seu povo, os judeus: “Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles são para que sejam salvos. Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, porém não com entendimento.” (Romanos 10.1–2, BEARA).

A vida cristã não se trata de religiosidade, conhecer somente, mas de termos o entendimento pela perspectiva de Deus e não pelo nosso pensamento natural, pois viver o reino não é cultivarmos dogmas, de obediência a regras, mas a entendermos o caráter e a natureza do Pai e como filhos que somos, feitos a imagem, conforme a semelhança de Cristo, vivermos segundo o modelo que Ele nos deixou.

Viver o reino, não é pelo nosso empenho e nem zelo, mas de fazermos segundo o modelo de Cristo, sendo a oferta em favor dos outros, para que possam conhecer, amadurecer, aprender e a viver como Cristo neste mundo, fazendo de suas  vidas a oferta, como ato de amor, em favor de todos para que conheçam o Pai. O reino se trata de aprender, viver e ensinar outros a viverem como o Senhor.

Anúncios