Não nos prendermos aos valores deste mundo

foto por: Jeremy Bishop em Unsplash

Temos que entender que o Reino de Deus não se trata de andarmos segundo o pensamento natural, mas de entendermos que fomos salvos, reconciliados, recebemos da natureza divina, somos participantes da Sua vida para rejeitarmos as paixões terrenas e andarmos pelos valores de Reino, por isso, precisamos proclamar as virtudes de Deus.

Jesus ensinando, em Mateus, no capítulo dez, versículo trinta e nove, afirmou: “Quem acha a sua vida perdê-la-á; quem, todavia, perde a vida por minha causa achá-la-á.” (Mateus 10.39, BEARA).

Ter a compreensão que morremos para nós mesmos, implica em nos sujeitarmos à vontade de Deus e quando fazemos isso, estamos agindo como Cristo diante das pessoas e assim, como Ele afirmou no versículo quarenta: “Quem vos recebe a mim me recebe; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou.” (Mateus 10.40, BEARA).

Somos expressão do Pai, devemos revelar quem Ele é, agindo como Ele: manifestando Sua natureza e Sua vida, só assim, andaremos segundo os valores eternos e não pelos  pensamentos e valores deste mundo.

Fomos chamados para revelar o Pai, fazermos de nossa vida uma oferta em favor das pessoas, pois assim, como Cristo, temos que agir no mundo, revelando-O, sendo expressão da Sua graça e do Seu amor.

Anúncios