Compromisso com a vontade de Deus

Compromisso com a vontade de Deus

foto por: alkemade em Pixabay

Lemos em Atos, capítulo dezoito, versículos vinte e sete e vinte e oito:

“Quando Apolo resolveu ir para a província da Acaia, os cristãos de Éfeso o animaram e escreveram cartas para os irmãos de lá, pedindo que o recebessem bem. Chegando lá, ele ajudou muito aqueles que, pela graça de Deus, haviam crido. Pois Apolo, com argumentos fortes, derrotava os judeus nas discussões públicas, provando pelas Escrituras Sagradas que Jesus é o Messias.” (Atos dos Apóstolos 18.27–28, NTLHE).

Apolo revelou compromisso com o Pai e Sua vontade, pois ele não só ensinava e fortalecia os irmãos, como não temia em falar sobre Jesus aos judeus. Precisamos ter esse mesmo tipo de compromisso com o Pai e a Sua vontade quanto a revelar o Seu reino e andar na Sua justiça.

É nosso papel não só anunciar o evangelho, falar das boas novas, mas também, ajudar àqueles que creem e a conduzi-los no crescimento, amadurecimento e no entendimento do reino de Deus e na maneira como devemos viver neste mundo.

Revelamos o nosso compromisso pela dedicação em ensinar, fortalecer e sendo instrumentos para iluminar o entendimento das pessoas quanto a vontade de Deus.