A confirmação que somos de Deus

A confirmação que somos de Deus

foto por: Dario Mueller em Unsplash

Na primeira carta de João, capítulo dois, do versículo três ao seis, podemos ler:

“Se obedecemos aos mandamentos de Deus, então temos certeza de que o conhecemos. Se alguém diz: “Eu o conheço”, mas não obedece aos seus mandamentos, é mentiroso, e não há verdade nele. Porém, se obedecemos aos ensinamentos de Deus, sabemos que amamos a Deus de todo o nosso coração. É assim que podemos ter certeza de que estamos vivendo unidos com Deus: Quem diz que vive unido com Deus deve viver como Jesus Cristo viveu.” (1João 2.3–6, NTLHE).

Não existe logro na afirmação de João e é muito simples, pois não se trata de pecarmos, pois vamos pecar, mas uma certeza devemos ter: quem é de Deus não vive na prática do pecado, mas caminha para a maturidade, despindo-se da velha natureza, da natureza humana e no dia a dia, caminha no sentido de santificar o proceder, revestindo-se de Cristo e agindo segundo o Seu Espírito, pois quem está em Deus, tem um só propósito, revelar o Pai ao mundo por meio das coisas que faz.

Não se trata do quanto avançamos ou somos maduros, mas a motivação que temos em caminhar rumo à maturidade e ao revelar de Cristo por meio de nossas vidas, sendo Seus imitadores, para manifestarmos o Pai ao mundo, expressando que somos Dele.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLEPODCAST