Uma grande proteção

Uma grande proteção

foto por: DerWeg em Pixabay

Em Atos, no capítulo vinte e três, versículos vinte e três e vinte e quatro, lemos:

“Então o comandante chamou dois oficiais e disse: — Arranjem duzentos soldados, e mais setenta cavaleiros, e duzentos lanceiros para ir até a cidade de Cesaréia. Estejam prontos para sair daqui às nove horas da noite. Preparem também cavalos para Paulo montar e o levem com toda a segurança para o governador Félix.” (Atos dos Apóstolos 23.23–24, NTLHE).

Como um prisioneiro simples, precisaria contar com tão grande proteção? São aspectos do cuidado de Deus que não entendemos. Havia uma conspiração para matar Paulo e o comandante não quis arriscar. Mas quem determinou o tamanho deste destacamento para levar Paulo até Cesareia? Somente Deus.

Não precisamos nos preocupar com os desígnios de Deus e nem com o Seu plano, pois Ele protege quando necessário e nos oferta, como Estevão, quando precisa, pois independente de uma ou outra situação somos mais que vencedores por meio de Cristo.

Podemos desfrutar de uma grande proteção ou sermos oferta, não importa, pois o que precisamos entender é que sempre devemos ser oferta em favor das pessoas para que conheçam a Deus.