Ser oferta é uma decisão

“dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; contudo, não se faça a minha vontade, e sim a tua.” (Lucas 22.42 RA).

Compreendermos que fazer de nossas vidas oferta em favor da vontade do Pai, como Cristo se colocou diante do sofrimento que iria passar, demonstra o compromisso com o reino e a vontade Daquele que O chamou. Fazermos de nossas vidas, oferta em favor do que somos chamados para fazer e realizar neste mundo é uma decisão e um compromisso que nos submetemos, agindo como Cristo. Se trata de uma decisão que tomamos frente ao conhecimento que temos do Pai e da Sua vontade em favor da salvação dos que ainda não O conhecem.