Impedindo outros de entrarem

Impedindo outros de entrarem

foto por: Annie Spratt em Unsplash

 

Jesus ensinando, fala aos religiosos sobre suas atitudes, pois estavam impedindo as pessoas de conhecerem o reino de Deus, como podemos ler em Mateus, capítulo vinte e três, versículo treze:

“— Ai de vocês, mestres da Lei e fariseus, hipócritas! Pois vocês fecham a porta do Reino do Céu para os outros, mas vocês mesmos não entram, nem deixam que entrem os que estão querendo entrar.” (Mateus 23.13, NTLHE).

Duas coisas são importantes entendermos: temos sido religiosos? E as nossas atitudes têm impedido as pessoas de conhecerem a Deus e o Seu reino?

A diferença entre um religioso cristão e um cristão verdadeiro está no compromisso com Deus e Sua vontade. Viver o reino de Deus, revelá-Lo ao mundo, não se trata do que falamos, mas da maneira como vivemos e o quanto expressamos nos nossos relacionamentos, as virtudes do Pai.

O nosso ensino deve estar em levar as pessoas a conhecerem Deus, se comprometerem com Ele e viverem a Sua vontade, não sobre estabelecer regras para que elas possam ser abençoadas por Ele.

Impedimos as pessoas de conhecerem a Deus quando somente desenvolvemos hábitos religiosos e não somos imitadores de Cristo, não fazemos de nossas vidas oferta em favor delas e nem revelamos o Pai por meio de nossas ações.