Não somos chamados para a negociata

O reino de Deus não se trata de fazer para receber, mas entendermos que se trata, como o exemplo de Cristo, ser oferta em favor da vontade de Deus.