Para não ser religiosidade

Devemos e precisamos viver segundo o fundamento que é Cristo que nos ensina a viver segundo a vontade de Pai, andando neste mundo como Cristo que é a primícia da verdadeira massa que compõe a família de Deus.