O que precisamos para revelar o Reino?

O que precisamos para revelar o Reino

foto por: Mathijs Delva em Unsplash

Viver o evangelho, revelar a Cristo não é algo que fazemos pelo nosso esforço e empenho, com o intuito de ganhar favor de Deus e sermos abençoados, mas, de sabermos que depende de termos o nosso entendimento aberto para compreendermos as Escrituras e sermos revestidos de poder (autoridade) provindo Dele, derramado em nossas vidas pelo Espírito Santo.

Jesus após Sua ressurreição, um pouco antes de subir aos céus, instrui os discípulos e afirma em Lucas, no capítulo vinte e quatro, do versículo quarenta e quatro ao quarenta e nove: “A seguir, Jesus lhes disse: São estas as palavras que eu vos falei, estando ainda convosco: importava se cumprisse tudo o que de mim está escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos. Então, lhes abriu o entendimento para compreenderem as Escrituras; e lhes disse: Assim está escrito que o Cristo havia de padecer e ressuscitar dentre os mortos no terceiro dia e que em seu nome se pregasse arrependimento para remissão de pecados a todas as nações, começando de Jerusalém. Vós sois testemunhas destas coisas. Eis que envio sobre vós a promessa de meu Pai; permanecei, pois, na cidade, até que do alto sejais revestidos de poder.” (Lucas 24.44–49, BEARA).

O que sustenta a nossa vida e o que nos conduz à maturidade, é sabermos que dependemos de ter o nosso entendimento aberto para compreendermos as Escrituras, uma vida de oração, expressando as promessas de Deus para testemunharmos do Reino e precisamos ser revestidos da autoridade provida pelo Espírito Santo. Por isso: palavra, oração e testemunho, é o que necessitamos para revelar o Reino e manifestar a justiça de Deus, pois agimos como Ele, revelando conhecimento, se não for assim, seremos meros religiosos.

Anúncios