Amor, aumentar em pleno conhecimento e percepção

Que possamos nos sucumbir ao amor de Deus

foto por: Casey Horner em Unsplash

Somos chamados para revelarmos os frutos de justiça que revelam e expressam o nosso Deus ao mundo, tudo que fizermos, todas as obras, devem e tem que revelar o reino de Deus e a Sua vontade, expressando a Sua justiça, por isso, precisamos que o amor cresça no conhecimento e percepção de toda a vontade do Pai.

Paulo, escrevendo aos Filipenses, fala sobre a oração que fazia em favor deles, como está no capítulo um, do versículo nove ao onze: “E também faço esta oração: que o vosso amor aumente mais e mais em pleno conhecimento e toda a percepção, para aprovardes as coisas excelentes e serdes sinceros e inculpáveis para o Dia de Cristo, cheios do fruto de justiça, o qual é mediante Jesus Cristo, para a glória e louvor de Deus.” (Filipenses 1.9–11, BEARA).

Viver o reino de Deus, sermos espirituais não se trata de liturgias, de obediência a regras, a aparência de piedade, mas de crescermos no conhecimento do amor de Deus, e isto se trata de conhecê-Lo, pois quando O conhecemos, não só seremos Seus imitadores, como expressão viva da Sua justiça, agindo como Cristo, sendo Suas cartas vivas, sendo o bom perfume que O revela ao mundo.

Fomos chamados não para sermos salvos, mas por termos sido salvos pela graça, vivamos o reino de Deus neste mundo, na plenitude da vontade do Pai, expressando o Seu amor e o Seu  conhecimento às pessoas, por isso precisamos crescer no pleno conhecimento do amor e em toda percepção para vivermos como filhos.

Introdução a Carta aos Filipenses

Reflexão do dia

Anúncios