Como atuar no amadurecimento das pessoas

foto por:  Peter Dlhy em Unsplash

Não se trata de uma opção, mas ao compreendermos que somos responsáveis pelo crescimento e amadurecimento das pessoas, temos a responsabilidade de conduzi-las à vontade do Pai, sendo aqueles que as ensinem a andar neste mundo.

Paulo instruindo a Timóteo, afirma como deve ser este processo no capítulo cinco de sua primeira carta, nos versículos um e dois: “Não repreendas ao homem idoso; antes, exorta-o como a pai; aos moços, como a irmãos; às mulheres idosas, como a mães; às moças, como a irmãs, com toda a pureza.” (1Timóteo 5.1–2, BEARA).

A educação e o ensino não se trata de falar com dureza, mas corrigir e ensinar de maneira diferente para cada um conforme a idade. Não estamos aqui para repreender, mas para corrigir, mostrar, sermos exemplos, para chama-los a observar a nós mesmos no que fazemos e como fazemos. Aos mais velhos como pais e mães com brandura, paciência, aos moços e moças, como a irmãos, revelando pureza e cuidado com cada um.

Somos responsáveis pelo crescimento das pessoas e precisamos compreender isso. Precisamos entender que é nosso papel ajudar, ser suporte para cada um na caminhada, mostrando o caminho e o exemplo, conduzindo-os ao conhecimento do Pai e Sua vontade.

Anúncios