Traímos por tão pouco!!

foto por: Niels Steeman em Unsplash

Somos algozes criticadores da atitude de Judas por sua traição, por ter vendido o Messias por trinta moedas de prata, mas não compreendemos que a cada escolha que seja diferente da natureza divina estamos traindo o Senhor e muitas vezes por menos de trinta moedas.

A questão da traição, das trinta moedas, está nas Escrituras em Jeremias, no evangelho de Mateus, capítulo vinte e sete, versículos nove e dez: “Então, se cumpriu o que foi dito por intermédio do profeta Jeremias: Tomaram as trinta moedas de prata, preço em que foi estimado aquele a quem alguns dos filhos de Israel avaliaram; e as deram pelo campo do oleiro, assim como me ordenou o Senhor.” (Mateus 27.9–10, BEARA)

Quando nos tornamos traidores? Quando não compreendemos quem somos diante de Deus e o que recebemos e por uma mentira, um engano, um suborno, uma hipocrisia, uma acepção de pessoas, negamos as Suas virtudes e vivemos segundo o pensamento natural.

Precisamos amadurecer, compreender o que significa ser servo de Cristo, servos uns dos outros, e oferecermos os nossos membros à justiça para cumprir a vontade do Pai. Temos que ser expressão de Cristo e fazermos de nossas vidas um modelo a ser seguido por todos aqueles que nos rodeiam, assim como Ele fez.

Anúncios