Nunca é tarde

Quando Abraão saiu de sua terra, da terra de seu pai e foi em direção à promessa de Deus, ele não era jovem, já tinha cerca de setenta e cinco anos. O que fez ele depois? Como Deus cumpriu a promessa? E convenhamos, não foi uma jornada fácil, pois errou muito, aprendeu e conheceu o Seu Deus. Temos que entender que andar e fazer a vontade de Deus não está vinculado à idade, mas a compromisso, não se trata de vigor da juventude, mas de obediência e submissão ao que Ele nos chama para fazer independente de nossa idade. Podemos ser jovens ou mesmo mais velhos como Abraão, mas temos que expressar compromisso e submissão para que Ele nos use no realizar de Sua vontade.