Expressão de imaturidade e egoísmo

Paulo ensinando aos irmãos de Corinto, afirma no capítulo onze, do versículo vinte ao vinte e dois:

Quando, pois, vos reunis no mesmo lugar, não é a ceia do Senhor que comeis. Porque, ao comerdes, cada um toma, antecipadamente, a sua própria ceia; e há quem tenha fome, ao passo que há também quem se embriague. Não tendes, porventura, casas onde comer e beber? Ou menosprezais a igreja de Deus e envergonhais os que nada têm? Que vos direi? Louvar-vos-ei? Nisto, certamente, não vos louvo.” (1Coríntios 11.20–22 RA).

Revelamos imaturidade quando agimos de forma egoísta, pensando somente nos nossos interesses, não sendo capazes de dividir o que temos, exercendo a justiça com aqueles que são membros do Corpo de Cristo. Revelamos imaturidade quando buscamos somente o nosso interesse e não somos capazes de repartir o que temos em abundância, mas demonstramos ganância, avareza, hipocrisia e religiosidade em nossos atos. Não vivemos o reino de Deus e nem entendemos a Sua vontade quando pensamos somente em nós e não enxergamos o outro como membro do Corpo pelo qual Cristo morreu e que somos responsáveis por ajuda-lo em sua jornada.

Sermos imaturos, revelarmos egoísmo, ganância e hipocrisia é uma decisão que devemos quanto a querer continuar ou tomarmos a decisão de querer conhecer a Deus para andarmos neste mundo como filhos, revelando o Seu reino e honrando as pessoas que estão conosco na caminhada.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE