Não se trata só de uma senha

Não se trata só de uma senha Caminhar na Graça

foto por: Paulius Dragunas em Unsplash

Jesus ensinando em Mateus, no capítulo sete do versículo vinte e um ao vinte e três, afirma:

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniquidade.” (Mateus 7.21–23, RA).

Estamos equivocados quando pensamos que se trata somente de proferir a palavra “Senhor” que está tudo resolvido, que o reino de Deus, a salvação, a vida eterna está relacionada somente ao que falamos, aos rituais religiosos que desenvolvemos e a aparência que tentamos manter. Isto não tem nada a ver com o reino de Deus e nem com a vontade do Pai. Somos chamados para vivermos a vontade do Senhor, para glorificarmos o Seu nome, para fazermos obras que traduzem os ensinos da lei, dos profetas que revelam Cristo ao mundo. Estudamos a bíblia não para saber, lemos não para decorar, mas para que tudo que aprendemos se traduza em atos que expressam e glorificam a Deus.

A vida cristã, o reino e a vontade de Deus não estão nas palavras ou em acharmos que se trata de uma senha e que tudo irá se abrir como num passe de mágica, pois para vivermos a vontade do Pai, requer compromisso dedicação, sacrifício, sermos imitadores de Cristo e não escolhermos o que parece ser fácil, rápido e o caminho mais curto, pois sem morte, não há vida.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE