Ser cristão não é parecer cristão

Temos que entender que o que faz um cristão não são os símbolos que usa, nem aparência e muito menos o que fala, mas as obras que realiza e que estejam alinhadas com as virtudes de Deus no sentido de revela-Lo ao mundo.