A nossa salvação é confirmada por nossa fidelidade

A nossa salvação é confirmada por nossa fidelidade

foto por: Will Truettner em Unsplash

Jesus ensinando sobre a fidelidade e honra a Deus por viver segundo a Sua justiça, ensina a Seus discípulos no evangelho de Mateus, no capítulo cinco, versículo vinte:

Pois eu afirmo a vocês que só entrarão no Reino do Céu se forem mais fiéis em fazer a vontade de Deus do que os mestres da Lei e os fariseus.” (Mateus 5.20, NTLHE).

Há um equívoco e uma falta de entendimento sobre a salvação que nos é concedida pela graça de Deus por meio da fé. Por sermos salvos por Deus, não requerendo de nós qualquer esforço neste sentido, não quer dizer que podemos viver sem qualquer compromisso com Ele e a Sua vontade. Somos salvos para andarmos neste mundo como Cristo.

Temos que entender que não se trata do que falamos e muito menos de ensinarmos em palavras, mas se somos fiéis em vivê-la, cumprindo a justiça de Deus e excedendo em muito a dos religiosos. Não somos chamados para sermos religiosos, mas para revelarmos em obras a salvação que recebemos, por isso, temos que nos despojar da natureza humana e nos vestirmos de Cristo, praticando as Suas obras.

Se não houver em nós a fidelidade à vontade de Deus, quer dizer que não há a salvação revelada em nossas obras.

As obras que realizamos, segundo a justiça de Deus, confirma a nossa salvação por meio da Sua graça, pela fé na obra que Cristo realizou em nosso favor na cruz.