Haverá fé na terra?

Haverá fé na terra?

foto por: Stephen Leonardi em Unsplash

Não podemos confundir fé com crendices e nem com pensamento positivo, pois não é disto que se trata, mas, de compreendermos que ela vem de Deus, do conhecimento das palavras de Cristo e na nossa submissão a essas promessas, agindo conforme a vontade do Pai, segundo a obra que Ele realizou em nós.

Jesus falando sobre esta questão, trata do pedir, sobre a Sua volta e sobre haver ou não fé na terra, em Lucas, capítulo dezoito, versículos seis a oito: “ E o Senhor continuou: — Prestem atenção naquilo que aquele juiz desonesto disse. Será, então, que Deus não vai fazer justiça a favor do seu próprio povo, que grita por socorro dia e noite? Será que ele vai demorar para ajudá-lo? Eu afirmo a vocês que ele julgará a favor do seu povo e fará isso bem depressa. Mas, quando o Filho do Homem vier, será que vai encontrar fé na terra?” (Lucas 18.6–8, NTLHE)

Fé está relacionada às promessas de Cristo, em conhecê-las e andarmos segundo o que Ele fala a nosso respeito. E isso não tem nada a ver com a nossa religiosidade, crendices e pensamento positivo, pois esses últimos têm a ver com o pensamento humano e não com as verdades eternas.