Guardamos porque conhecemos

Guardamos porque conhecemos

foto por: Matt Botsford em Unsplash

É importante compreendermos que guardamos os mandamentos, não porque temos o conhecimento sobre as Escrituras e nos empenhamos em guardar e obedecer com o intuito de receber bênçãos, mas guardamos, porque O conhecemos e temos consciência da Sua obra em nosso favor e da capacitação que recebemos para andarmos neste mundo como filhos de Deus.

Jesus afirmou uma coisa importante aos Seus discípulos, como podemos ler em João, capítulo quatorze, versículo quinze: “Se me amais, guardareis os meus mandamentos.” (João 14.15, BEARA).

Amar não se trata de sentimento, amar é termos a consciência de Deus, de compreendermos que fomos feitos uma nova criatura, à imagem de Cristo, que recebemos da Sua mente, que somos coparticipantes da natureza divina e que vivemos na dependência total do Espírito que nos habilitou para andarmos segundo a vontade de Deus. Tendo este entendimento, a consciência da obra de Deus e o conhecimento do que Ele fez por nós, não agiremos diferente Dele, pois entenderemos que devemos ser oferta em favor das pessoas, pois este é o culto que O agrada.