Constrangidos pelo amor de Cristo

Constrangidos pelo amor de Cristo

foto por:   John Westrock em Unsplash

Somos chamados para vivermos o Reino de Deus neste mundo, vivermos para Cristo, sendo como Ele, oferta em favor do mundo, para que todos possam ter a oportunidade de conhecer sobre as boas novas do reino e conhecerem o Pai e Sua vontade.

O que nos move no sentido de vivermos para Cristo é compreendermos a Sua obra e Seu amor em nosso favor, pois o que pode nos constranger a isso é o amor que Ele revelou em nosso favor pela obra que realizou na cruz nos reconciliando com o Pai.

Paulo fala sobre isso em sua segunda carta aos coríntios, capítulo cinco, versículos quatorze e quinze: “Pois o amor de Cristo nos constrange, julgando nós isto: um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” (2Coríntios 5.14–15, BEARA). Mas o que é importante entendermos, é que somos novas criaturas, como está no versículo dezessete: “E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.” (2Coríntios 5.17, BEARA). E isto, por causa do que Cristo fez, como podemos ler no versículo vinte e um:  “Aquele que não conheceu pecado, ele o fez pecado por nós; para que, nele, fôssemos feitos justiça de Deus.” (2Coríntios 5.21, BEARA).

Tendo este conhecimento não podemos continuar a viver da mesma maneira, mas somos constrangidos por Seu amor a fazermos de nossas vidas oferta em favor das pessoas, para que possam experimentar a boa, perfeita e agradável vontade de Deus.

Anúncios