O Reino está em nosso meio

https://soundcloud.com/caminhar-na-graca/o-reino-dos-ceus-esta-em-nosso-meio

foto por: Michael Rogers em Unsplash

O reino de Deus e dos céus, não se trata de religiosidade, mas de uma forma de viver,  de uma maneira de revelar valores, de nos relacionarmos com as pessoas, não segundo a perspectiva natural, mas conforme os valores eternos do Criador, por isso, Ele está em nosso meio.

João Batista, quando cumpriu o seu ministério proclamou que o reino dos céus estava próximo, como está em Mateus, capítulo três, do versículo um ao três: “Naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia e dizia: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus. Porque este é o referido por intermédio do profeta Isaías: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.” (Mateus 3.1–3, BEARA).

E como deveria ou qual a expressão deste reino? Está no arrependimento, na maneira como se vive, como podemos ler do versículo sete ao nove:  “Vendo ele, porém, que muitos fariseus e saduceus vinham ao batismo, disse-lhes: Raça de víboras, quem vos induziu a fugir da ira vindoura? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; e não comeceis a dizer entre vós mesmos: Temos por pai a Abraão; porque eu vos afirmo que destas pedras Deus pode suscitar filhos a Abraão.” (Mateus 3.7–9, BEARA).

Jesus, também afirmou que o reino de Deus estaria em nosso meio, que não viria em forma visível. O que temos que entender é que viver o reino está na maneira como nós nos relacionamos uns com os outros, pois se trata de valores que revelamos segundo o caráter e natureza de Deus. Somos chamados para sermos cidadãos do Seu reino, para revelarmos as Suas virtudes, para andarmos como Cristo, sermos a expressão do Pai no mundo. E como Seus embaixadores não temos outra maneira de viver que não expressando a Sua natureza e revelando a glória do Pai aos homens, pois foi para isso que Ele nos enviou.

Anúncios