Servindo ao Senhor

alexander-radelich-318997

foto por: Alexander Radelich em Unsplash

Servir a Deus, ao reino, a Cristo e ter como Senhor a Jesus Cristo, implica que entendemos quem somos Nele e como devemos viver neste mundo. Reconhecemos Sua soberania em nossas vidas e tudo que fizermos, onde estivermos, as situações em que estivermos inseridos, compreendemos que é da vontade de Deus e que tudo o que fizermos, precisa ser de todo coração como para Ele.

Paulo instruindo aos irmãos Colossenses no capítulo três, do versículo vinte e três ao vinte e cinco, disse: “O que vocês fizerem façam de todo o coração, como se estivessem servindo o Senhor e não as pessoas. Lembrem que o Senhor lhes dará como recompensa aquilo que ele tem guardado para o seu povo, pois o verdadeiro Senhor que vocês servem é Cristo. E quem faz o mal, seja quem for, pagará pelo mal que faz. Pois, quando Deus julga, ele não faz diferença entre pessoas.” (Colossenses 3.23–25, NTLHE). Mas, mais que compreendermos que em tudo estamos servindo ao Senhor, precisamos aprender a nos relacionar com os que não creem no evangelho, como está no capítulo quatro, versículos cinco e seis: “Sejam sábios na sua maneira de agir com os que não crêem e aproveitem bem o tempo que passarem com eles. Que as suas conversas sejam sempre agradáveis e de bom gosto, e que vocês saibam também como responder a cada pessoa!” (Colossenses 4.5–6, NTLHE).

Precisamos entender que servir a Deus é servimos as pessoas, fazendo as coisas com alegria, é revelarmos o contentamento de vivermos o Reino de Deus neste mundo, manifestando as virtudes Daquele que nos tirou das trevas. Temos que entender que nos nossos relacionamentos precisamos agir não segundo a perspectiva natural, mas na expressão de graça, misericórdia e amor, demonstrando compaixão e fazendo da nossa vida uma oferta, como Cristo fez em favor de todos, para que todos em todo o tempo e lugar possam ver Deus em nós.

Anúncios