Deixemos o Espírito guiar a nossa vida!

alex-jones-6798 - 500x250

foto por: Alex Jones em Unsplash

Precisamos aprender a nos submeter à vontade de Deus e deixar que o Espírito Santo nos conduza, como consolador, na jornada de amadurecimento e expressão da vontade de Deus. Somos filhos para revelar Deus ao mundo e devemos nos sujeitar à Sua vontade e não aos nossos desejos.

Paulo em Gálatas, no capítulo cinco, do versículo dezesseis ao dezessete afirma: “Quero dizer a vocês o seguinte: deixem que o Espírito de Deus dirija a vida de vocês e não obedeçam aos desejos da natureza humana. Porque o que a nossa natureza humana quer é contra o que o Espírito quer, e o que o Espírito quer é contra o que a natureza humana quer. Os dois são inimigos, e por isso vocês não podem fazer o que vocês querem.” (Gálatas 5.16–17, NTLHE).

E do dezenove ao vinte e um ele relata o que é gerado pela natureza humana: “As coisas que a natureza humana produz são bem conhecidas. Elas são: a imoralidade sexual, a impureza, as ações indecentes, a adoração de ídolos, as feitiçarias, as inimizades, as brigas, as ciumeiras, os acessos de raiva, a ambição egoísta, a desunião, as divisões, as invejas, as bebedeiras, as farras e outras coisas parecidas com essas. Repito o que já disse: os que fazem essas coisas não receberão o Reino de Deus.” (Gálatas 5.19–21, NTLHE).

Já no vinte e dois e vinte e três, ele menciona o que o Espírito produz em nossa vida: “Mas o Espírito de Deus produz o amor, a alegria, a paz, a paciência, a delicadeza, a bondade, a fidelidade, a humildade e o domínio próprio. E contra essas coisas não existe lei.” (Gálatas 5.22–23, NTLHE). E fecha o assunto, no vinte e quatro, com uma afirmação muito importante: “As pessoas que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a natureza humana delas, junto com todas as paixões e desejos dessa natureza.” (Gálatas 5.24, NTLHE).

Quem é de Cristo e a Ele se sujeita e anda no Espírito, compreende essas coisas, busca a vontade de Deus, entende  a jornada de santificação e compreende que foi habilitado para andar conforme a Sua vontade e não sujeito aos desejos e paixões humanas, por isso, precisamos deixar que o Espírito Santo nos guie.

Anúncios