Família de Deus: coluna e alicerce da verdade

Família de Deus: coluna e alicerce da verdade

foto por: Pixabay em Pexels

Paulo, na sua primeira carta a Timóteo, afirma no capítulo três, versículos quatorze e quinze:

“Escrevo essas coisas a você, esperando ir vê-lo logo. Mas, se eu demorar, esta carta vai lhe dizer como devemos agir na família de Deus, que é a Igreja do Deus vivo, a qual é a coluna e o alicerce da verdade.” (1Timóteo 3.14–15, NTLHE).

Ele está instruindo a Timóteo como selecionar as pessoas que serão os líderes da família de Deus, que serão responsáveis pelo crescimento e amadurecimento dela, para que compreenda como devemos viver neste mundo como Seu povo. Não se trata de escolher pela instrução que possui, nem por sua capacidade de oratória, mas pelo testemunho que dá, pela maneira como vive, pela forma como conduz e governa a própria casa. Quando não seguimos estes conselhos de Paulo e selecionamos pelos critérios da forma de pensar do mundo, a família de Deus é conduzida por caminhos que fogem do plano e vontade do Pai.

Selecionar aqueles que serão os responsáveis por conduzir a família, a Igreja, requer maturidade e sabedoria, discernimento do Espírito e submissão à vontade de Deus para não escolher segundo os critérios naturais, mas, baseado no que seja a vontade do Pai para que Sua família seja de fato a coluna e o alicerce da verdade no mundo quanto a revelar o reino, as boas novas e conduzir as pessoas à reconciliação e submissão a Cristo.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLEPODCAST