Ter o nome no livro da vida

foto por: Jackson David em Unsplash

No livro de Apocalipse, capítulo vinte, do versículo onze ao quinze, podemos observar o julgamento final:

Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. Vi também os mortos, os grandes e os pequenos, postos em pé diante do trono. Então, se abriram livros. Ainda outro livro, o Livro da Vida, foi aberto. E os mortos foram julgados, segundo as suas obras, conforme o que se achava escrito nos livros. Deu o mar os mortos que nele estavam. A morte e o além entregaram os mortos que neles havia. E foram julgados, um por um, segundo as suas obras. Então, a morte e o inferno foram lançados para dentro do lago de fogo. Esta é a segunda morte, o lago de fogo. E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo.” (Apocalipse 20.11–15 RA).

O que nos impede de sermos lançados no lago de fogo é termos o nosso nome no livro da vida. Mas o que precisamos fazer para termos nosso nome inscrito neste livro? Esta é a questão mais importante que precisamos ter: a resposta e o entendimento claro. Primeiro: Não se trata do que fazemos para ter este benefício, pois não é o que fazemos que nos assegura estarmos no livro da vida, não são as nossas obras que fazem com que alcancemos a salvação. Segundo: a salvação é decorrente do que Deus fez por nós, por meio de Cristo. A obra de Cristo na cruz é que nos certifica em recebermos a salvação, a reconciliação e a justificação, estando assim inscritos no livro. Não depende de nós, mas do que Deus fez por nós, da Sua graça revelada por meio de Cristo. Terceiro: o que precisamos fazer? Reconhecer o que Cristo fez, crer que a Sua obra em nosso favor é suficiente para nos salvar e nos reconciliar com Deus. Quando cremos e nos submetemos à Cristo, colocando as nossas vidas em Suas mãos, então recebemos o perdão ofertado por Deus. Quarto: Tendo recebido a salvação, devemos buscar o conhecimento da Sua vontade, para que andando na verdade, revelemos a salvação recebida por meio da obra que Ele fez em nosso favor.

O nome inscrito no livro da vida não é decorrente do que fazemos para alcançar, mas da obra que Deus realizou em nosso favor por meio de Cristo e no ato de nos submetermos a Ele, reconhecendo que Ele é o Salvador e o Senhor estabelecido pelo Pai sobre todas as coisas.

Ouça a mensagem no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE