Não podemos alegar ignorância

Sabendo onde está a fonte de conhecimento da vontade de Deus não podemos alegar ignorância quanto a essa vontade, pois esta atitude não nos faz desculpáveis, mas negligentes.