A fé nos conduz à liberdade

A fé nos conduz a liberdade

foto por: Tim Woolliscroft em Unsplash

No evangelho de Lucas, capítulo oito, do versículo quarenta e três ao quarenta e oito, podemos ler sobre a cura e libertação da mulher com hemorragia:

Certa mulher que, havia doze anos, vinha sofrendo de uma hemorragia, e a quem ninguém tinha podido curar [e que gastara com os médicos todos os seus haveres], veio por trás dele e lhe tocou na orla da veste, e logo se lhe estancou a hemorragia. Mas Jesus disse: Quem me tocou? Como todos negassem, Pedro [com seus companheiros] disse: Mestre, as multidões te apertam e te oprimem [e dizes: Quem me tocou?]. Contudo, Jesus insistiu: Alguém me tocou, porque senti que de mim saiu poder. Vendo a mulher que não podia ocultar-se, aproximou-se trêmula e, prostrando-se diante dele, declarou, à vista de todo o povo, a causa por que lhe havia tocado e como imediatamente fora curada. Então, lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai-te em paz.” (Lucas 8.43–48, BEARA).

Ela não queria ser exposta, não queria ter que explicar, mas creu que Jesus poderia curá-la somente por toca-Lo. E de fato, foi o que aconteceu, mas Jesus deixou passar simplesmente? Não, Ele conduziu-a a se expor, se explicar, pois ela era escrava de sua hemorragia. Ela não queria mais exposição pelo que já tinha passado, não queria mais a humilhação que tanto sofria. Jesus, ao invés de condená-la como seria normal pelos religiosos, a conduz à liberdade, enviando-a em paz, proclamando a sua fé.

Muitas vezes é o que nos acontece, mas precisamos expressar a nossa fé de maneira visível. Temos e precisamos compreender toda a perspectiva da salvação e libertação que Deus nos concede. É um passo de fé, mas, ao nos lançarmos nesta jornada crendo nas palavras de nosso Deus, somos libertos e conduzidos a revelarmos a nossa fé em Deus ao mundo, que nos conduz a andarmos na verdade, expressando o Seu reino.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLEPODCAST