Obediência a regras suplanta a misericórdia?

Obediência a regras suplanta a misericórdia?

foto por: Jason Leung em Unsplash

Jesus ensinando aos religiosos, afirma que devemos exercer misericórdia diante das necessidades das pessoas, mesmo que venhamos a quebrar regras, como podemos ler em Mateus, capítulo doze, versículos onze e doze:

“ Jesus respondeu: — Se um de vocês tiver uma ovelha, e no sábado ela cair num buraco, será que ele não vai fazer tudo para tirá-la dali? Pois uma pessoa vale muito mais do que uma ovelha. Portanto, a nossa Lei permite ajudar os outros no sábado.” (Mateus 12.11–12, NTLHE).

A nossa religiosidade se revela quando colocamos as regras e os dogmas acima das virtudes de Deus, que devemos revelar ao mundo como Seus filhos. Ele não deseja que vivamos uma vida de obediência às regras, mas que pratiquemos as Suas virtudes, pois ao exercermos misericórdia, graça, bondade amor diante das pessoas, nós estamos prestando o verdadeiro culto a Ele, pois faremos obras que glorificam o Seu nome e O revelam ao mundo.

Agora, quando priorizamos as regras, estamos somente revelando a nossa religiosidade e o nosso desconhecimento de Deus e Sua vontade.

A obediência às regras e dogmas que porventura venhamos a criar não devem e nem podem suplantar o revelarmos as virtudes de nosso Deus diante das pessoas para que possam conhece-Lo.