A consciência de andar por fé

A consciência de andar por fé

foto por: JuniperPhoton em Unsplash

O autor da carta aos Hebreus, falando das pessoas de fé, afirma no capítulo onze, versículos treze e quatorze:

Todos esses morreram cheios de fé. Não receberam as coisas que Deus tinha prometido, mas as viram de longe e ficaram contentes por causa delas. E declararam que eram estrangeiros e refugiados, de passagem por este mundo. E aqueles que dizem isso mostram bem claro que estão procurando uma pátria para si mesmos.” (Hebreus 11.13–14, NTLHE).

Em todos os tempos e épocas, todos que expressam fé e o conhecimento de Deus, não vivem buscando as coisas desse mundo, mas olham  adiante, para as promessas de Deus. Eles têm a consciência de que são peregrinos aqui, estrangeiros, mas, são cidadãos dos céus e que o destino é a pátria celestial, onde a vontade de Deus se realiza e todo o empenho está em fazer com que o Seu reino e Sua vontade se cumpram.

E sobre nós? Para onde estamos olhando? Qual a nossa consciência quanto a vontade de Deus e o quanto a temos buscado? Nos consideramos como peregrinos neste mundo? Estrangeiros?

Quando meditamos nestes pontos é que temos consciência da nossa fé e o quanto estamos alinhados com a vontade de Deus e que nos consideramos de fato peregrinos e estrangeiros, buscando expressar neste mundo os valores eternos da pátria que Deus tem para nós.

A nossa fé é revelada pela maneira como vivemos, pelas coisas que buscamos e o quanto nos empenhamos ao expressar e revelar a vontade de Deus, fazendo o Seu reino visível.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s