Ainda não aprendemos a lição

Ainda não aprendemos a lição

foto por:  brittany gaiser em Unsplash

Precisamos amadurecer, compreender a vontade de Deus, crescermos na fé e andarmos como filhos que sabem que podem sacar na Sua despensa e usar em favor das pessoas e não usar o poder em benefício próprio, mas, para a glória Daquele que nos tirou das trevas.

Os discípulos ainda não tinham entendido estes aspectos e não se lembraram do poder de Deus operando no milagre dos pães e Jesus lhes ensina novamente sobre o Seu provimento, como está em Mateus quinze, do versículo trinta e dois a trinta e oito: “E, chamando Jesus os seus discípulos, disse: Tenho compaixão desta gente, porque há três dias que permanece comigo e não tem o que comer; e não quero despedi-la em jejum, para que não desfaleça pelo caminho. Mas os discípulos lhe disseram: Onde haverá neste deserto tantos pães para fartar tão grande multidão? Perguntou-lhes Jesus: Quantos pães tendes? Responderam: Sete e alguns peixinhos. Então, tendo mandado o povo assentar-se no chão, tomou os sete pães e os peixes, e, dando graças, partiu, e deu aos discípulos, e estes, ao povo. Todos comeram e se fartaram; e, do que sobejou, recolheram sete cestos cheios. Ora, os que comeram eram quatro mil homens, além de mulheres e crianças.” (Mateus 15.32–38, BEARA).

Novamente os discípulos passam pelo mesmo processo. E nós, quantas vezes passamos pela mesma situação para aprendermos sobre o poder e provimento do Pai e não aprendemos que Ele cuida de nós? Precisamos amadurecer e aprender a confiar no Seu cuidado, na Sua maneira de operar na certeza que Ele nos conduz ao crescimento e amadurecimento. Precisamos aprender a lição para continuarmos a jornada de maturidade e revelar do Senhor ao mundo.

Anúncios