Até quando não entenderemos…

Até quando não entenderemos

foto por: Marion Michele em Unsplash

Temos e precisamos compreender o reino de Deus, a vontade do Pai, nosso papel e o que é importante, para não agirmos como a mãe de dois discípulos que pede favor em seus nomes a Jesus, e faz isso pela falta de entendimento quanto a vontade de Deus.

Podemos ler sobre esta questão em Mateus, capítulo vinte, do versículo vinte e um ao vinte e três: “Perguntou-lhe ele: Que queres? Ela respondeu: Manda que, no teu reino, estes meus dois filhos se assentem, um à tua direita, e o outro à tua esquerda. Mas Jesus respondeu: Não sabeis o que pedis. Podeis vós beber o cálice que eu estou para beber? Responderam-lhe: Podemos. Então, lhes disse: Bebereis o meu cálice; mas o assentar-se à minha direita e à minha esquerda não me compete concedê-lo; é, porém, para aqueles a quem está preparado por meu Pai.” (Mateus 20.21–23, BEARA).

 E nós? O que buscamos? O destaque? Sermos reconhecidos? Ou o que temos buscado é a vontade de Deus e a ela nos submetido para que Ele possa operar em e através de nós levando o conhecimento da Sua vontade a todos os lugares?

Precisamos aprender sobre o que é importante, o que precisamos fazer e como precisamos agir, para não ficarmos buscando honra e glória, mas compreendermos que estamos neste mundo, para revelarmos e glorificarmos o Pai, servirmos às pessoas e manifestarmos a Sua vida a todos com quem nos relacionamos. Não se trata da nossa honra, do que receberemos, mas, do nosso Deus ser glorificado por meio de nossas vidas.

Anúncios