Aperfeiçoando a santidade

Aperfeiçoando a santidade

foto por: Juliana Barquero em Unsplash

Tendo o conhecimento de Deus, compreendendo a Sua obra em nosso favor, a reconciliação, salvação, o fato de sermos novas criaturas, transformados à imagem de Cristo, atribuídos a responsabilidade de reconciliar as pessoas com Deus, sendo Seus embaixadores, precisamos nos santificar para que o nosso Deus seja visto em nós.

Paulo tratando da questão da santificação em sua segunda carta aos coríntios, capítulo sete, versículo um, afirma: “Tendo, pois, ó amados, tais promessas, purifiquemo-nos de toda impureza, tanto da carne como do espírito, aperfeiçoando a nossa santidade no temor de Deus.” (2Coríntios 7.1, BEARA).

Precisamos compreender que a santificação não é uma opção, nem uma condição para estarmos na presença de Deus, pois é Cristo, por meio de Sua obra e sangue vertido que nos coloca na presença do Pai. Ela é para que revelando a obra que Deus realizou em nós, possamos, diante das pessoas revelar o Pai e o nosso Senhor por meio das ações e relacionamentos que desenvolvemos. Santificamos para que Cristo seja visto em nós e para que as pessoas conhecendo o Pai, por meio de nossas vidas, possam se submeter a Ele e viverem segundo a Sua vontade.