A expressão da compaixão

A expressão da compaixão

foto por: gaspar manuel zaldo em Unsplash

Em Lucas, quando Jesus, montado em um burrico, vê a cidade, expressa a Sua compaixão por Jerusalém, como está no capítulo dezenove, do versículo quarenta e um ao quarenta e quatro:

Quando ia chegando, vendo a cidade, chorou e dizia: Ah! Se conheceras por ti mesma, ainda hoje, o que é devido à paz! Mas isto está agora oculto aos teus olhos. Pois sobre ti virão dias em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras e, por todos os lados, te apertarão o cerco; e te arrasarão e aos teus filhos dentro de ti; não deixarão em ti pedra sobre pedra, porque não reconheceste a oportunidade da tua visitação.” (Lucas 19.41–44, RA).

Precisamos aprender a agir como o Senhor, pois a expressão da compaixão em favor de cidades, como Ele fez, também tem que ser o nosso intuito, pois é nosso papel levar o conhecimento do Pai à todos. Sabemos que nem todos enxergarão, como muitos não viram Nele o Salvador, mas precisamos revelar as virtudes do Pai.

A compaixão é que nos conduz a nos mover em favor das pessoas e cidades para que possam conhecer o Pai, nos comprometendo com Ele, andando na verdade como devemos.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLE