Mesmo na nossa ignorância

Mesmo na nossa ignorância

foto por: Makoto Seimori em Pixabay

Temos que entender que mesmo quando estamos na ignorância da vontade de Deus, Ele nos ouve e nos conduz na Sua vontade, como podemos ler em Atos, capítulo dez, versículo quatro:

“ Ele ficou olhando para o anjo e, com muito medo, perguntou: — O que é, senhor? O anjo respondeu: — Deus aceitou as suas orações e a ajuda que você tem dado aos pobres e ele não esqueceu você.” (Atos dos Apóstolos 10.4, NTLHE).

Mesmo na nossa falta de entendimento sobre a vontade de Deus, na nossa religiosidade quando não entendemos o que Ele deseja de nós, Sua misericórdia se revela, pois o que importa é o que desejamos de fato, pois quando há um desejo ardente de conhecer e compreender a Sua vontade, Ele nos conduz e coloca pessoas em nossas vidas para que nos apresente o Seu querer.

Não se trata de nós e nem do nosso empenho, mas, quando O buscamos de todo coração Ele se revela e nos conduz a conhecermos e andarmos como Cristo, de maneira que revelemos a Sua glória às pessoas.

Temos que entender que quando somos sinceros e desejamos ardentemente conhecer o Pai, Ele se deixa achar e se revela de maneira maravilhosa.