Qual riqueza escolher?

Qual riqueza escolher?

foto por: Mitchell Luo em Unsplash

Talvez os gananciosos não compreendam e podem até debochar daqueles que buscam o reino de Deus e a Sua vontade, que pensam somente em acumular e não têm olhos para a equidade e a prática da justiça, pois não vêm o outro como irmão, mas como objeto para atender os próprios interesses.

Jesus tratando desta questão e o quanto Deus se importa conosco, afirma em Lucas, capítulo doze, versículos trinta e dois a trinta e quatro: “Jesus continuou: Meu pequeno rebanho, não tenha medo! Pois o Pai tem prazer em dar o Reino a vocês. Vendam tudo o que vocês têm e dêem o dinheiro aos pobres. Arranjem bolsas que não se estragam e guardem as suas riquezas no céu, onde elas nunca se acabarão; porque lá os ladrões não podem roubá-las, e as traças não podem destruí-las. Pois onde estiverem as suas riquezas, aí estará o coração de vocês.” (Lucas 12.32–34, NTLHE).

Não é uma questão de ser rico ou pobre, mas de compreendermos qual a verdadeira riqueza e nela colocar todo o nosso empenho, pois todo o resto são instrumentos que Deus nos concede para usarmos em favor da Sua vontade e no revelar do Seu reino. Se buscamos as coisas deste mundo, com certeza, não estaremos acumulando riqueza quanto a vida eterna.