Dons são para um fim proveitoso em favor do Corpo

https://soundcloud.com/caminhar-na-graca/dons-sao-para-um-fim-proveitoso-em-favor-do-corpo

foto por: Everton Vila em Unsplash

Os dons espirituais, concedidos pelo Espírito como Lhe apraz, não se trata de algo para o nosso orgulho e nem benefício pessoal, mas, para que amadurecendo entendamos que devem e têm que ser usados em favor do Corpo para a sua edificação e amadurecimento, conduzindo cada membro à plena expressão de Cristo, pois se assim não for, não tem razão alguma da sua existência.

Paulo, escrevendo sobre esta questão e que embora haja diversidade, o Espírito é o mesmo, o Corpo é um só, como está na primeira carta aos Coríntios, capítulo doze, do versículo quatro ao onze: “Ora, os dons são diversos, mas o Espírito é o mesmo. E também há diversidade nos serviços, mas o Senhor é o mesmo. E há diversidade nas realizações, mas o mesmo Deus é quem opera tudo em todos. A manifestação do Espírito é concedida a cada um visando a um fim proveitoso. Porque a um é dada, mediante o Espírito, a palavra da sabedoria; e a outro, segundo o mesmo Espírito, a palavra do conhecimento; a outro, no mesmo Espírito, a fé; e a outro, no mesmo Espírito, dons de curar; a outro, operações de milagres; a outro, profecia; a outro, discernimento de espíritos; a um, variedade de línguas; e a outro, capacidade para interpretá-las. Mas um só e o mesmo Espírito realiza todas estas coisas, distribuindo-as, como lhe apraz, a cada um, individualmente.” (1Coríntios 12.4–11, BEARA).

O que precisamos compreender? Que os dons concedidos pelo Espírito têm por objetivo alcançar um fim proveitoso que é o crescimento do Corpo, o amadurecimento dos membros para que cada um compreenda o seu papel e seja oferta em favor dos outros para que haja a maturidade e expressão de Cristo no mundo.

Recebemos os dons não para o nosso proveito pessoal, mas para que haja a edificação e crescimento de todos e assim o Senhor receba toda a glória.

Anúncios