Cedendo à pressão política

Quando lemos sobre o interrogatório e a condenação do Cristo, observamos que não foi encontrado Nele qualquer crime passível de morte, mas por uma questão de manter o poder político, Pilatos cede à pressão política, pois havia sido ameaçado de ser denunciado ao imperador por querer acobertar um que se declarava rei.

Muitas vezes estaremos diante de injustiça e da manutenção de valores deste mundo, mas revelaremos quem somos e a compreensão do que priorizamos quando escolhermos agir segundo a justiça de Deus e não pela manutenção dos valores transitórios desta vida.