A prioridade do nosso compromisso

A prioridade do nosso compromisso

foto por: Tīna Sāra em Unsplash

Jesus ensinando sobre o reino de Deus e o compromisso que devemos ter, conta uma estória em Lucas, no capítulo quatorze, do versículo dezesseis ao vinte:

“… Certo homem deu uma grande ceia e convidou muitos. À hora da ceia, enviou o seu servo para avisar aos convidados: Vinde, porque tudo já está preparado. Não obstante, todos, à uma, começaram a escusar-se. Disse o primeiro: Comprei um campo e preciso ir vê-lo; rogo-te que me tenhas por escusado. Outro disse: Comprei cinco juntas de bois e vou experimentá-las; rogo-te que me tenhas por escusado. E outro disse: Casei-me e, por isso, não posso ir.” (Lucas 14.16–20, RA).

Deus desde a eternidade planejou que entrássemos no Seu reino e Ele chama a todos, mas, qual tem sido a nossa atitude? Como do banquete preparado para que todos que haviam sido convidados, recusassem? Este é um aspecto que precisamos refletir. Devemos pensar nas nossas atitudes e o quanto conhecemos e estamos compromissados com o Seu reino e Sua vontade, pois não se trata somente de teoria, mas, da forma de viver o nosso dia a dia que revela este reino e manifesta a Sua glória. Não se trata de serviço que prestamos, mas do quanto expressamos o que Ele fez em nós e tudo que nos concedeu. Se continuamos a viver segundo a forma de pensar deste mundo, buscando os nossos interesses, demonstramos que temos rejeitado o que Ele fez e nos chamou para participar.

Demonstramos prioridade com o compromisso assumido com Deus pela maneira como vivemos e o quanto O revelamos por meio de nossas atitudes. Temos que amadurecer e caminhar rumo à maturidade para expressar e revelar o Pai.

Ouça a mensagem completa no agregador de PODCAST de tua preferência:

CASTBOX, SPOTFY, DEEZER ou GOOGLEPODCAST